Seja muito bem-vindo ao Sonhos que vivo. Amores que sinto!


Seja muito bem-vindo (a) ao "Sonhos que vivo. Amores que sinto"!

Cada postagem que você encontrar aqui, foi escrita e publicada com muito carinho. Esse blog foi feito para você!
Aqui você encontrará lindos poemas de amor, de amizade, saudades e, agora com a super novidade: poemas religiosos (poemas gospeis)!
Você encontrará reflexões, versos, mensagens e ainda poderá deixar a sua opinião, participando do blog e ajudando a melhorá-lo, afinal, é importante saber a opinião dos meus leitores, pois é para vocês à quem escrevo!
Você poderá clicar nos marcadores e ir diretamente ao que lhe interessa, onde constam "poemas", "versos", "mensagens", etc...assim, facilitará a sua viagem nesse mundo de poemas, ao blog SONHOS QUE VIVO. AMORES QUE SINTO...

Obrigada pela visita aqui, espero que tenha gostado e volte sempre!
Se puder, deixe sua opinião, para que assim possemos melhorá-lo cada vez, além de deixar um toque seu aqui, um cantinho feito pensando em você, exclusivamente!

Desde já agradeço por sua visita, espero que goste e volte sempre...

Obrigada!

quinta-feira, 28 de março de 2013

Poema: " Obrigada, Pai..." ( Joserlene Brito)


Um sol brilhante anuncia um novo dia,
Aos guerreiros, a luta já vai começar,
O canto dos pássaros anuncia
Que já é hora de despertar...

A natureza parece uma sinfonia,
Tudo em perfeita combinação,
O vento nas árvores dá a sintonia
A melodia das aves é a canção...

As pessoas caminham com rapidez,
Tem horas para cumprir,
As crianças brincam com lucidez,
E ao mesmo tempo começam a sorrir...

A natureza trabalha com eficiência,
Nada pode dar errado,
Às vezes não temos consciência
Da riqueza que temos por todo lado.

O meu Pai foi quem fez tudo,
Ele criou tudo pensando em mim,
De presente, me deu o mundo,
Me deu o horizonte sem fim...

Criou as estrelas com carinho,
Deu perfume às flores,
Deu vida aos bichinhos,
Deus às plantas muitas cores...

Meu Pai criou em dias o universo,
Soube detalhar tudo perfeitamente,
Me deu o dom de agradecer em versos
Tudo o que me deu de presente.

Obrigada pelos ares,
Pelos bichinhos também,
Obrigada pelos mares,
Pelas plantas e além...

Obrigada Pai, pela lua prateada no infinito,
Obrigada pelo meu caminhar,
Obrigada por eu poder enxergar o que é bonito,
Obrigada pelo o meu falar...

Obrigada pela minha inspiração,
Obrigada por toda a natureza,
Pelo amor que vive em meu coração,
Obrigada pela vida e sua beleza...

Obrigada por tudo o que hoje sou,
Obrigada por tudo o que tenho,
Obrigada por onde ainda vou,
Obrigada por onde eu venho...

Eu só tenho a agradecer,
Obrigada, é o que de mim sai,
E por tudo, poder sempre dizer:
Obrigada, Pai!

Nenhum comentário:

Postar um comentário